Mal Acabado Pet Nat 2021

14.79 

Em stock

Vinho espumante branco, bruto natural 2020

Vinha
Uvas Loureiro provenientes de típicas e características vinhas de ramada em bordadura.

Em adega
É imperativo a intervenção mínima. Vindima precoce, prensagem das uvas inteiras sem desengace. A fermentação alcoólica ocorre espontaneamente com leveduras indígenas.

Notas de prova
Visual: Turvo, amarelo palha. Bolha fina e de persistência média.
Aroma: Tropical com ligeiras notas florais. Evidente presença de aromas fermentativos.
Boca: Vinho rústico e autentico. Com doçura ligeira, picante, acidez vincada e refrescante.

Harmonização
Pode acompanhar doçaria conventual, queijos e compotas.

Temperatura ideal
6 a 8ºC

Origem

Estilo

Castas

Álcool

Produtor

Ideal com

, , , , , , , , ,

Garrafa

Adequado para

Produção

,

Alergénios

Aos “Homens Bons e Commerciantes da Villa de Vianna”, D. Maria permite o rogado transporte de vinhos de Monção, Melgaço e Ribeira Lima. Estávamos no século XVIII quando Inglaterra se tornava o principal destino dos “Vinhos de Viana”, embarcados na Foz do Lima. Contavam mareantes, que alguns dos vinhos transportados em pipas surgiam com sinais de “alegria”, ou seja, em fermentação.

Quem sabe, justifica isto com o aumento da procura de vinho de qualidade produzido no Norte de Portugal. Os adegueiros viram-se assim obrigados a aligeirar a vinificação, ou simplesmente… “não acabar os vinhos”! Chegada a festa das vindimas, surge Dourado na Ramada.

Transformado em volta de toda a genuinidade e tipicidade das gentes do Alto Minho, a intervenção enológica é mínima e a fermentação do mosto espontânea! Sem estabilização e ainda com doçura é engarrafado.

A fermentação continua na garrafa, dando origem a um cordão das mais finas pérolas!

Surge o Mal Acabado!

Assim começa uma história!

Options

Usamos cookies. Ao continuar a navegar, assumimos que concorda com o seu uso e que é maior de 18 anos.